10 abril 2016

As cores da escravidão

OIIII leitores!
Hoje vim com mais um post de livros, e dessa vez um brasileiro.
Esse eu li para um trabalho lá da minha escola, e gostei bastaaante.
Espero que vocês leiam e gostem tanto quanto eu! ;)
Vamos lá!

http://3.bp.blogspot.com/-dsavCnzC-X8/VChkT2IsScI/AAAAAAAAEA0/00j2vWD15Oc/s1600/
Foto: Meu portal dos livros

Autor: Ieda de Oliveira

Antônio, ou Tonho, vivia no sertão com sua mãe, avó e irmãos, seu pai tinha ido trabalhar pros lados do Pará. Tonho não tinha muitos amigos, mas tinha um que parecia um irmão, João. Faziam tudo juntos, eram realmente melhores amigos.
Certo dia, passou um homem já adulto chamando as pessoas do lugar onde Tonho morava oferecendo melhores condições de vida e Tonho vendo a necessidade da mãe, quis ir e convenceu João a ir também, a mãe de Tonho deixou por saber que lá provavelmente ele teria comida, roupas... E lá foram eles.
Andaram bastante tempo numa carreta e pegaram um avião, os dois garotos nem podiam acreditar que estavam voando. Quando puseram o pé no avião, Tonho teve certeza que teriam vida de reis dali para a frente, mas João, que tinha mais os pés no chão, não tinha tanta certeza.
Logo ao chegarem, só viram uma tenda de lona e não conseguia entender, mas ainda tinha certeza que era tudo uma pequena confusão e que tinha um belo quarto esperando por eles.
De repente chega outro homem, e diz que tudo que eles precisarem para comer e trabalhar podem pegar lá na venda, mas que ficaria anotado na caderneta.
Aí que eles não entenderam nada, e João só queria ir embora, e o mesmo homem informou os dois garotos que seu novo quarto seria no curral, e que amanhã logo bem cedo era para os meninos estarem de pé para o trabalho.
João já havia entendido tudo, mas Antônio ainda tinha esperança que fosse apenas um mal entendido, mas no outro dia esse mal entendido foi desfeito, eles descobriram que agora seriam escravos.

Bom, esse é o enredo da história.
É um bom livro, tem partes tristes, mas claro, felizes também.
Beijos. ;]

2 comentários:

  1. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho.Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns, decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.
    http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus, fiquei realmente lisonjeada com esse comentário. Nem sei o que responder!
    Obrigada mesmo por isso, fico realmente muito feliz que meu trabalho tenha agradado! :D

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...